... ou a arte de bem fazer política à portuguesa

Terça-feira, 13 de Outubro de 2009
Loures Municipal

A Câmara Municipal de Loures andou a distribuir o último número da revista Loures Municipal nas caixas do correio do meu bairro, na Póvoa de Santa Iria, concelho de Vila Franca de Xira. Qual será o objectivo?

 




Sábado, 8 de Novembro de 2008
Curva contra curva

No IC 2 (vulgarmente conhecido por variante à Estrada Nacional 10) nem todas as curvas têm direito... aos mesmos direitos. Passo a explicar. Junto à saída de Santa Iria de Azóia (concelho de Loures), os postes de iluminação pública da curva que se segue nunca estão acesos. Ao contrário do que sucede nas restantes curvas do mesmo IC 2. Estarão lá apenas por mera questão estética? Para não quebrar a harmonia de postes de iluminação pública colocados dos dois lados ao longo de toda a rodovia?

 

Bem ser que manter uma estrada devidamente iluminada é dispendioso do ponto de vista financeiro (e este é um debate antigo em Portugal), mas uma vez que foi decidido manter o IC 2 iluminado, porquê excluir aquele troço? Acreditem que ali, a iluminação faz bastante mais falta do que nas zonas em recta. Principalmente quando chove ou está nevoeiro. Ainda para mais, não é aconselhável acender os máximos, para não encadear os condutores que circulam na faixa contrária.

 

Mais um exemplo de falta ineficiência da administração pública!


Jamé...:


Quinta-feira, 30 de Outubro de 2008
Coincidência... ou não!

Coincidência, ou não, dois dias depois de aqui ter publicado um post (ver segunda-feira, dia 27) sobre as deficiências no piso da estrada que liga a Portela de Azóia a Vale de Figueira, no concelho de Loures, o mesmo foi reparado. Não deixa, contudo, de continuar a ser criticável o facto de a devida reparação do piso ocorrer cerca de três meses depois de uma intervenção ao nível das condutas dos esgotos e das águas pluviais. Mas como diz o ditado, mais vale tarde do que nunca!




Segunda-feira, 27 de Outubro de 2008
Obras de Santa Engrácia!

Há cerca de três meses que um troço da principal estrada de ligação da Portela de Azóia a Vale de Figueira, no concelho de Loures, se encontra no estado que as fotos documentam para grande desespero dos milhares de automobilistas que ali passam.

 

Para se proceder à susbtituição das condutas de águas pluviais e de esgotos, foi necessário efectuar cortes no alcatrão junto às duas caixas. Na altura, as obras estiveram devidamente sinalizada e o trânsito controlado por dois agentes da PSP. Mas uma vez feita a substituição e fechadas as valas, os trabalhos pararam como se tivessem ficado completos. Mas não ficaram!                                   

 

Como as fotos comprovam, o desnível do piso é considerável. Acresce ainda que estes se encontram logo a seguir a uma curva fechada, sem visibilidade e não existe qualquer sinalização a alertar os condutores. Já por duas vezes, o empreiteiro colocou areia para tornar o piso regular, mas com a passagem dos veículos, a chuva e o vento, rapidamente esta desaparece e o tudo volta o mesmo. Para quando a finalização dos trabalhos? Não se sabe! Mais uma obra de Santa Engrácia à portuguesa.


Jamé...:


Segunda-feira, 20 de Outubro de 2008
Ecoparque de São João da Talha

A ideia até é boa, mas como muito boas ideias em Portugal, não foi concretizada da melhor forma. No Ecoparque de São João da Talha, no concelho de Loures, foi criado um EcoGym, um espaço onde foram colocados alguns aparelhos de ginástica. O local é muito utilizado pelos moradores da freguesia e não só (eu sou uma das forasteiras), que, deste modo, passaram a praticar exercício físico com regularidade, mas também com vários riscos para a sua saúde

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Não é suficiente colocar os aparelhos e avisos alertando para a necessidade de consultar o médico antes de iniciar qualquer actividade física. É preciso educar as pessoas nesta matéria, ensinar-lhes como praticar exercício físico. Já vi homens a utilizarem as máquinas vestidos com calças de ganga, camisas e calçando sapatos. E mulheres vestindo saias, blusa e... calçando chinelas. A utilização de vestuário apropriado é importante, mas mais importante ainda é ter uma postura correcta durante a utilização dos equipamentos. E, neste aspecto, já assisti a situações muito preocupantes, de pessoas com 60 e 70 anos, com claros problemas de agilidade, a utilizarem incorrectamente os aparelhos, sujeitando-se a contrair lesões graves.

 

 

Muitas vezes, este uso incorrecto deve-se ao facto de os aparelhos, ao contrário do que seria aconselhável, não puderem adaptar-se ao corpo de cada um dos utilizadores. Eu que o diga pois, devido à minha estatura baixa, tenho dificuldade em utilizar correctamente algumas das máquinas, pois não consigo colocar os bancos, por exemplo, à altura mais conveniente. Uma função básica, mas que, pelos vistos, foi esquecida pelos técnicos da Câmara de Loures.




Me, myself & I
Pesquisar neste blog
 
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


Posts recentes

Loures Municipal

Curva contra curva

Coincidência... ou não!

Obras de Santa Engrácia!

Ecoparque de São João da ...

Memórias

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

tags

todas as tags

Outros Jamé!
Bibliografia
"Génese e desenvolvimento do movimento feminista português (1890-1930)", dissertação de mestrado em História do século XX, FCSH/UNL, Abril de 2005
Em co-autoria: "Memórias da Siderurgia - Contribuições para a História da Indústria Siderúrgica em Portugal", coordenação Maria Fernanda Rollo, ed. História e Câmara Municipal do Seixal, 2005
É @ visitante nº...
Free Counter
Free Counter
Publicidade

Visit Animal friends from Europe
Locations of visitors to this page
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds