... ou a arte de bem fazer política à portuguesa
Segunda-feira, 9 de Março de 2009
António Costa e a (in)segurança dos cidadãos

Não sei se entendi bem, confesso! Na sequência do tiroteio que ocorreu na noite de ontem no Bairro Portugal Novo, nas Olaias, o presidente da Câmara de Lisboa, António Costa, disse hoje que "por não se tratar de um bairro municipal, mas sim de iniciativa de uma cooperativa" é uma propriedade "estranha ao município". E, por isso, a autarquia nada tem a ver com o assunto.

 

Mesmo já tendo sido alertada pela PSP e pela própria Junta de Freguesia dos problemas de insegurança e de degradação urbanística e social sentidos naquela zona, a Câmara descarta-se de qualquer responsabilidade só porque o bairro não é municipal. Aquele, diz António Costa, é um caso de Polícia, dos polícias da esquadra que ali funciona mesmo ao lado.

 

 

Quem ali mora não tem os mesmos direitos, nem a mesma atenção por parte da Câmara de Lisboa por não viver num bairro municipal. Se o pensamento é este, então grande parte do território do concelho não é da responsabilidade da Câmara. Então, não se entende por que razão os agentes da Polícia Municipal patrulham a zona da Baixa/Chiado, uma vez que ali não existem casas municipais. Não se entende por que é que estes mesmos agentes patrulham a zona das Avenidas Novas. Aqui, também não há casas municipais, bem pelo contrário. 

 

Não sei se entendi bem, confesso! 




2 comentários:
De Emanuel Martins a 11 de Março de 2009 às 13:49
...Só poide mesmo ser confusão. Não sei se de nós que lemos e ouvimos, ou de quem diz.
Em verdade não é da competência da Câmara a solução urbanística, por se tratar de propriedade privada.Embora mesmo aí a última palavra seja da câmara Mas sobram todas as outras competências que à Câmara cometem: desde a social às decorrentes da administração do território. Provavelmente o que o edil pretendia dizer é que as soluções de habitação que resultam do acontecido, não são em primeira instância da responsabilidade da edilidade, que as questões de segurança pública, tanbém têm a sua responsabilidade primeira na administração central. Mas a Câmara não deverá ficar alheada, certamente.´
-É um prazer reencontrá-la, eu que aprecio muito o seu trabalho como jornalista, capaz de manter a isenção, nesta floresta de interesses.
Emanuel Martins


De FM a 14 de Março de 2009 às 19:29
Felizmente, parece que tudo ficou já devidamente esclarecido.

Também é bom revê-lo.


Comentar post

Me, myself & I
Pesquisar neste blog
 
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


Posts recentes

Porque hoje é domingo....

Porque hoje é domingo...

Porque hoje é domingo....

Sugestão de solidariedade

Sugestão de solidariedade

Haja coerência!

Dar o exemplo

Porque hoje é domingo...

Sugestão de passeio

Porque hoje é domingo....

Memórias

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

tags

todas as tags

Outros Jamé!
Bibliografia
"Génese e desenvolvimento do movimento feminista português (1890-1930)", dissertação de mestrado em História do século XX, FCSH/UNL, Abril de 2005
Em co-autoria: "Memórias da Siderurgia - Contribuições para a História da Indústria Siderúrgica em Portugal", coordenação Maria Fernanda Rollo, ed. História e Câmara Municipal do Seixal, 2005
É @ visitante nº...
Free Counter
Free Counter
Publicidade

Visit Animal friends from Europe
Locations of visitors to this page
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds